Quem malha enquanto é magro corre menor risco de ver a pressão subir caso engorde

O fisiologista Guilherme Speretta, da Universidade Estadual Paulista, em Araraquara, fez um experimento com animais magros, que passaram por um período de engorda, para avaliar o impacto dos exercícios no processo de ganho de peso.

Por três semanas, parte dos ratos realizou exercícios resistidos, enquanto a outra ficou parada. Em seguida, os dois grupos receberam uma dieta gordurosa por sete semanas — e mantiveram o ritmo de antes. “Ambos engordaram, mas só a ala sedentária teve alterações em uma área do cérebro que regula a pressão arterial”, revela a professora Débora S. A. Colombari, orientadora do trabalho.

Isso pode explicar o fato de a pressão dos ativos não ter subido — algo que também aconteceu em bichos não submetidos ao cardápio calórico e que, portanto, não ganharam peso.

Vantagens da academia

A pesquisa sugere que, mesmo quando a barriga cresce, a musculação prévia freia a elevação de…

…pressão

A prática preserva o controle ideal na contração dos vasos sanguíneos.

…glicemia

Com a glicose sob controle, o diabete tipo 2 não dá as caras.

…colesterol

Em excesso, ele entope as artérias. Porém, os halteres parecem evitar isso.

…batimentos

Uma frequência muito alta leva a sobrecargas no coração.

Fonte:

http://saude.abril.com.br/fitness/musculacao-ajuda-a-evitar-as-complicacoes-do-ganho-de-peso/

 

Rua João Álvares Correia, 29 - Chácara Klabin

Tel.: 2639-8703 / 2639-8803


© 2017 Desenvolvido por Rabbit Digital

>>>>>